Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]













Imagem: Público





O enquadramento e os termos do projeto Leitura Digital - que visa conhecer a realidade portuguesa ao nível da leitura nos variados suportes digitais existentes - foram discutidos ontem na Fundação Calouste Gulbenkian, instituição que financia o estudo. Para além da equipa do projeto, coordenada pelo diretor do Obercom, Gustavo Cardoso, participaram os representantes da Fundação Gulbenkian (Manuel Carmelo Rosa e Maria Helena Melim Borges pelo Serviço de Educação e Bolsas; e Ana Paula Gordo e José Afonso Furtado pela Biblioteca de Arte) e ainda Teresa Calçada (pela Rede de Bibliotecas Escolares), Paula Santos (pela Associação de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas) e Luís Gonzalez Martin (pela Fundación Germán Sanchéz Ruipérez). Desde 2009 que esta fundação espanhola está a fazer uma investigação sobre a leitura em suporte digital, em e-readers e em tablets, em bibliotecas de Salamanca com pessoas de várias faixas etárias. (...)


Ler mais no Público, 26 setembro >>

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



RBE


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Twitter



Perfil SAPO

foto do autor