Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blogue RBE

Qua | 12.01.22

Criação e uso de conteúdos online: evolução e importância

Literacia da informação e dos media, uma emergência educativa.

2022-01-12.png

O acesso à informação, sob todas as suas formas, é um direito e uma necessidade. Desde os primórdios da impressão, há muitos séculos, aos acelerados meios de comunicação social hoje - a capacidade de criar e partilhar conteúdos acarreta, para cada indivíduo, todo um mundo de possibilidades, mas também novos riscos.

Durante os últimos 40 anos, a literacia da informação e dos media tem ajudado as pessoas a refletirem criticamente sobre as mensagens veiculadas através de diferentes fornecedores de conteúdos – imprensa, radiodifusão e digital. Hoje, mais do que nunca, essas literacias são determinantes.

2022-01-12-1.png

O maior acesso a comunicações e conteúdos digitais exige maiores capacidades.

Sendo uma potencial força de bem, os fornecedores de conteúdos na Internet devem informar, educar e entreter, promovendo a confiança social, relevando informação fidedigna e contrariando o discurso do ódio.

Porém, frequentemente estes fornecedores não estão à altura destas expetativas. Durante a pandemia da COVID-19, tornou-se evidente porque é que as competências para compreender, interpretar e envolver-se eticamente com conteúdos de todos os tipos têm que ser uma preocupação prioritária.

Dominar a literacia de informação e media é agora uma competência vital para a vida. Para todas as gerações, a necessidade de distinguir entre desinformação e conteúdo fiável tornou-se mais urgente do que nunca.

Além disso, o enorme volume de conteúdo disponível em-linha proporciona uma escolha sem precedentes, mas pode ser igualmente uma barreira à sua utilização crítica. Experimentamos presentemente grande sobrecarga de mensagens, o que torna difícil avaliar e decidir acertadamente sobre a exatidão dos conteúdos com que nos deparamos. Arriscamo-nos a ficar confusos e desviar-nos de desígnios universalmente acordados como os direitos humanos e o desenvolvimento sustentável.

É por isso que é agora tempo de prestar atenção ao apelo de muitas partes interessadas para uma maior ênfase nas competências críticas das pessoas e na promoção da literacia da informação e dos media. É necessário que esta literacia seja reconhecida como fundamental para a agenda do desenvolvimento internacional e como fulcral para os objetivos de desenvolvimento sustentável 2030: competência vital para o avanço da saúde, igualdade de género, educação, emprego e ambiente, entre muitos outros bens sociais.

Face a esta emergência, as bibliotecas têm um papel decisivo a desempenhar. Compete-lhes liderar na escola o movimento de criação de programas com atividades sistemáticas, articuladas e progressivas para o desenvolvimento destas competências.

As exigências são múltiplas: é necessário convencer os diferentes atores da urgência destes programas, contribuir para o seu desenho, para a sua discussão e aprovação e, finalmente, para a sua implementação.

Só desse modo será possível responder ao problema identificado no Quadro Estratégico da RBE [1] “As abordagens integradas das literacias da informação e dos media têm vindo a crescer; no entanto é necessário que assumam caráter mais articulado, abrangente e contínuo.” (p.37) , implementando a linha de ação 3 do seu eixo Saberes: “Assegurar abordagens integradas das literacias da informação, dos media e digital, perseguindo o desenvolvimento do pensamento crítico, das capacidades de resolução de problemas e de comunicação e do uso ético, eficaz e criativo da informação, media e tecnologia.” (p. 46)

Este artigo foi adaptado de: Media and Information Literacy: The time to act is now! [2]

 

Referências

1. Portugal. Rede de Bibliotecas Escolares (2021). Bibliotecas Escolares: presentes para o futuro. Programa Rede de Bibliotecas Escolares: Quadro estratégico: 2021-2027. https://rbe.mec.pt/np4/file/890/qe__21.27.pdf

2. UNESCO (2021). Media and Information Literacy: The time to act is now! https://en.unesco.org/sites/default/files/mil_curriculum_second_edition_summary_en.pdf

3. Fonte da imagem: UNESCO (2021). Media and Information Literacy: The time to act is now! https://en.unesco.org/sites/default/files/mil_curriculum_second_edition_summary_en.pdf

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.